Peter May

SOBRE MIM

PETER MAY nasceu e cresceu na Escócia. Aos 21 anos era já um jornalista premiado e aos 26 publicou o seu primeiro romance, que viria a ser adaptado com grande sucesso para uma série dramática da BBC. Nessa altura, decidiu abandonar o jornalismo e, durante os dinâmicos 15 anos que se seguiram, foi um dos dramaturgos televisivos mais bem-sucedidos da Escócia. Criou três séries dramáticas para o horário nobre, encabeçou, como argumentista e produtor, duas das séries com melhores audiências na história do seu país e colaborou em mais de mil episódios de séries dramáticas de excelência, antes de decidir abandonar a televisão para regressar ao seu primeiro amor, a escrita de romances.
Recebeu vários prémios literários em França e o Barry Award para melhor romance policial, nos Estados Unidos, pelo livro A Casa Negra, o primeiro dos seus bestsellers internacionais. Em 2014, recebeu o galardão de melhor livro do ano do ITV Specsavers Crime Thriller Book Club, pelo livro A Ilha de Entrada.
Peter vive no sudoeste francês com a sua mulher, a escritora Janice Hally.